Gestão de Resíduos – o caso de Dores de Campos, MG

0
564

Introdução

Este trabalho tem como objetivo compreender a importância que o cidadão deve ter ao fazer a coleta seletiva do seu lixo. No caso da mãe natureza, a coisa nem sempre se dá dessa forma, pois de acordo com nosso assunto as conseqüências da falta de cuidado com o lixo têm causado muitos males a algumas pessoas que sofrem com as enchentes devido ao acúmulo de lixo nos córregos, nas calçadas e nos bueiros. Dores de Campos não é diferente, pessoas têm sofrido com o desleixo de outras, chegando ao ponto de perderem tudo que possuem. É importante que saibamos cuidar do nosso meio ambiente e que tenhamos sempre em mente as consequências de nossos atos.

Enchente

Dores de Campos, é uma cidade com 10.000 habitantes que está localizada no estado de Minas Gerais, na região do Campos das Vertentes. No dia 23 de setembro de 2009, numa quarta – feira durante uma chuva muito, forte aconteceu uma enchente que a muitos anos não ocorria. Vários bairros foram atingidos e muitas famílias ficaram desabrigadas.

Por Dores de Campos ser uma cidade pequena todos se conhecem, por isso muitas pessoas ajudaram a abrigar as famílias cujo seus pertences foram perdidos nesta trágica enchente. Além das pessoas da cidade a prefeitura e a equipe do CRAS tiveram uma participação significativa no resgate das famílias dorenses, tanto com bens materiais, como alimentação, saúde, higiene e sócio afetivo.

Infelizmente algumas pessoas apesar, de informadas, ainda continuam desrespeitando o meio ambiente, jogando lixo nos córregos, bueiros e deixando sacos de lixo nas calçadas fazendo com que cães rasguem os mesmo e esparramem pelas ruas, deixando a cidade suja e prejudicando famílias inteiras.

Na cidade de Dores de Campos os lixos não são separados, os moradores acham que colocar tudo em um saco já e o suficiente, não sabem a importância da separação do lixo.

Uma sociedade consciente e bem educada não gera lixo e sim materiais para reciclar. Ajudando a selecionar o lixo, vamos diminuir a poluição do ar, solo, água, reduzindo assim a necessidade de novas áreas para aterro sanitário e a redução da proliferação de insetos e roedores, transmissores de doenças. De todo lugar sai lixo, e com isto devemos ajudar a coletar separadamente, reaproveitando e reciclando antes de ser descartado.

Os conceitos fundamentais são: Reduzir, Reutilizar e Reciclar, esses conceitos devem ser absorvidos, praticados e divulgados.

Há dois anos atrás foi elaborado um projeto com o tema “Projeto Criação”, onde pessoas com deficiência mental poderiam aprender um oficio, ter uma renda mensal e ajudar na preservação do meio ambiente e da coleta seletiva, trabalhando com a garrafa pet.

Este projeto foi aprovado e está sendo executado com sucesso. Os deficientes vão pra rua atrás de garrafas pet e eles também contam com a colaboração das escolas da cidade. Essas garrafas são levadas para um prédio onde tem todo processo de lavagem, secagem, corte, pintura em seguida a transformação do lixo em: enfeite de carnaval, quadrilha e natal.

Apesar de algumas pessoas não acreditarem, o “Projeto Criação” tem sido um sucesso, e há dois anos vem enfeitando a cidade, diminuindo a quantidade de lixo e levantando a alta estima das pessoas que nele trabalham com o empenho e perseverança.

De acordo com Francisco Luiz Rodrigues e Vilma Maria: “O cidadão pode fazer uma grande diferença com suas pequenas ações”. (APUD). Através de nossas ações, podemos contribuir para a preservação do meio ambiente, adquirindo hábitos e servindo de exemplo para que outros cidadãos possam cuidar melhor do seu lixo fazendo a coleta seletiva, consumindo apenas o que é necessário, evitando o desperdício de papéis, reutilizando embalagens e, sempre que puder reproduzir seus atos através de palestras, promovendo uma conscientização de que se pode viver bem com menos lixo.

Os habitantes de Dores de Campos têm muito a aprender e agradecer por não ter tido nem uma vítima fatal. O risco que todos correram foi de serem contaminados por alguma doença, pois perto de algumas casas havia um curtume que foi desativado a alguns meses.

Hoje em dia as pessoas estão muito desatualizadas com relação ao problema do lixo e ao próprio meio ambiente, todos pensam que tirando o lixo de suas casas, empresas e comércio já são o suficiente e que este problema não vai atrapalhá-los mais, e isto é muito errado, pois no futuro virá a ser um grande problema. Portanto, ainda há muito que fazer, para tentar pelo menos minimizar este problema que acontece na cidade de Dores de Campos.

Na cidade só tem por enquanto o lixão a céu aberto, uma simples descarga sobre o solo sem medidas de proteção ao meio ambiente e à saúde publica, não possui controle dos tipos de resíduos, tendo lá resíduos de saúde e indústrias. Tendo no local impacto ambiental, poluição do solo e águas subterrâneas, churume, além dos odores e presença de animais vetores de doenças. Mas já está pronto uma usina de reciclagem que só está esperando as documentações saírem para a inauguração e, com certeza, a cidade só tem a ganhar com essa usina. Além de gerar muitos empregos ajudará a mostrar para todos como é e como funciona uma reciclagem. Assim todos vão ter que separar os lixos das casas, empresas e comércio e assim a cidade agradece e o meio ambiente também.

Conclusão

Com este trabalho pude perceber o quanto é necessário conscientizar as pessoas de Dores de Campos em relação à preservação do meio ambiente.
Por ser uma cidade pequena, onde todos se conhecem e s
ão amigos, fica muito complicado mudar certas culturas que vêm prejudicando o desenvolvimento da nossa cidade e, principalmente alguns maus costumes, como o de colocar o lixo na rua a qualquer hora, não respeitando os horários pré-estipulados pela prefeitura para a coleta de lixo.

Portanto, se faz precípuo a criação de um projeto sobre a importância da coleta seletiva, visto que em breve começaremos trabalhar com a reciclagem do lixo.

Autora: Áurea Maria Malta

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here